Conecte-se conosco

EXTRA.SC

Luciano Menezes: fechamento das fábricas da Ford não vai afetar concessionárias

Negócios
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Foto: Divulgação

Negócios

Luciano Menezes: fechamento das fábricas da Ford não vai afetar concessionárias

Empresário Luciano Menezes explica que a medida deverá ampliar o portfólio da marca no país.

Publicidade




O fechamento das fábricas da Ford no Brasil, anunciado esta semana, não deve afetar as concessionárias da marca. É o que explica o diretor da Ford Florisa, Luciano Menezes.

 “Há três anos a Ford anunciou essa nova estrutura, que deveria acontecer somente em 2023. Infelizmente, a pandemia e fatores políticos levaram a antecipação do fechamento das indústrias. Como trata-se de uma empresa globalizada, o mercado será abastecido por outras fábricas do mundo”, explica.

Luciano explica que a montadora vem reforçando há algum tempo a questão de produtos globalizados, que passarão a vir da Argentina, Uruguai, México e China, por exemplo. Com isso, modelos brasileiros como Ka, EcoSport e T4, terão as vendas encerradas assim que terminarem os estoques.

“Em contrapartida, as concessionárias aumentarão sua grade de produtos. Somente este ano teremos quatro grandes lançamentos, de excelentes veículos, incluindo Mustang, Ranger e a Transit”, justifica.

Segundo o empresário, a decisão da montadora deverá impactar em pequenas representantes brasileiras. Concessionárias com baixo volume deverão ser fechadas. Ele estima que de 262 distribuidoras, cerca de 150 unidades permanecerão abertas. “A nossa é muito bem vista perante a Ford e não fechará”, garante.


Publicidade
Continue lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade




To Top