Conecte-se conosco

EXTRA.SC

Carlos Moisés é absolvido no tribunal e volta ao cargo de governador de Santa Catarina

Política
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Foto: Divulgação

Política

Carlos Moisés é absolvido no tribunal e volta ao cargo de governador de Santa Catarina

Político foi inocentado do crime de responsabilidade na compra fraudulenta de 200 respiradores, por seis votos a quatro.

Publicidade


O governador afastado Carlos Moisés da Silva (PSL), foi absolvido no processo de impeachment pelo Tribunal Especial da Assembleia Legislativa nesta sexta-feira (7).

Para a Corte, formada por cinco desembargadores e cinco deputados estaduais, Moisés não cometeu crime de responsabilidade ao comprar 200 respiradores ainda no início da pandemia da COVID-19, por R$ 33 milhões, sem licitação.

A sessão iniciada às 9h teve os votos antecipados pelos membros do Tribunal Especial ainda na fase de debates. Com isso, o julgamento se tornou mais célere e formou maioria ainda nas manifestações. A sessão foi encerrada às 14h17.

Foram seis votos a favor do impeachment e quatro contrários. Para que Moisés fosse condenado, eram necessários, pelo menos, sete votos favoráveis ao afastamento definitivo.

 

Votaram pela absolvição:

  • Deputado estadual Marcos Vieira (PSDB)
  • Deputado estadual José Milton Scheffer (Progressistas)
  • Deputado estadual Valdir Cobalchini (MDB)
  • Deputado estadual Fabiano da Luz (PT)

 

Votaram pela condenação:

  • Desembargadora Sônia Schmidt
  • Desembargador Roberto Pacheco
  • Desembargador Luiz Zanelatto
  • Desembargadora Rosane Wolff
  • Desembargador Luiz Fornerolli
  • Deputado estadual Laércio Schuster (PSB)

Publicidade
Continue lendo


Em alta



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
To Top