Conecte-se conosco

EXTRA.SC

PF deflagra operação contra fraude em benefícios previdenciários

Segurança
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Segurança

PF deflagra operação contra fraude em benefícios previdenciários

Os envolvidos responderão pelos crimes de estelionato previdenciário, falsificação de documentos, falsidade ideológica, peculato, corrupção passiva e organização criminosa.

Publicidade


A Força-Tarefa Previdenciária e Trabalhista deflagrou, nesta quinta-feira (24), a Operação Contagem Regressiva II, que teve o objetivo de desarticular organização criminosa especializada na criação de vínculos laborais fictícios para obtenção indevida de benefícios previdenciários. Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão em Imbituba.

O esquema foi descoberto após denúncia de irregularidade em benefício de auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença). Os criminosos enviavam Guias de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social (GFIP) extemporâneas, com registro de vínculos fictícios. Assim, os falsos empregados requeriam e obtinham benefícios previdenciários – como auxílio por incapacidade temporária, aposentadorias e pensão por morte previdenciária.

O prejuízo estimado é de aproximadamente R$ 179 mil, relacionado a três benefícios identificados com indícios da irregularidade. Entretanto, somente com os parâmetros da análise, com a desarticulação do esquema criminoso e revisão desses benefícios, a estimativa de economia projetada supera R$ 1,3 milhão, valor calculado com base na expectativa de sobrevida dos segurados segundo IBGE. Com a continuidade das investigações, os valores devem ser superiores.

Os envolvidos responderão pelos crimes de estelionato previdenciário, falsificação de documentos, falsidade ideológica, peculato, corrupção passiva e organização criminosa. As penas variam de um a 12 anos de reclusão.



Receba as notícias em primeira mão pelo Grupo do EXTRA.SC no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/Hmfy73b8TDYCHlfbY3HLxj



Publicidade
Continue lendo
Publicidade


Em alta



Publicidade
Publicidade
To Top