Conecte-se conosco

EXTRA.SC

Veigamed é intimada a prestar esclarecimentos sobre respiradores fantasmas

Política
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Foto: Receita Federal

Política

Veigamed é intimada a prestar esclarecimentos sobre respiradores fantasmas

Empresa tem dez dias para se manifestar, mas não foi encontrada para receber a notificação.

Publicidade


A Controladoria-Geral do Estado intimou a empresa Veigamed a prestar esclarecimentos sobre a negociação envolvendo 200 respiradores pulmonares com a Secretaria de Saúde de Santa Catarina. O texto, assinado pelo presidente da Comissão do Processo Administrativo de Responsabilização, Valdor Ângelo Montagna, aponta que não foi possível notificar a empresa.

Sediada no Rio de Janeiro, a Veigamed foi intimada a se manifestar sobre os conteúdos das atas das reuniões da Comissão de 16 de junho. O prazo para manifestação é de 10 dias.

No final de fevereiro, a Secretaria da Saúde aplicou multa de R$ 3,3 milhões contra a empresa pela não entrega dos equipamentos pagos antecipadamente em 2020. A empresa ficou proibida também de participar de licitações e contratos com a administração pública pelo prazo de seis meses.

O contrato polêmico envolvendo a Veigamed e a SES, que pagou R$ 33 milhões antecipadamente pelos 200 respiradores, é investigado pela Operação Oxigênio.



Receba as notícias em primeira mão pelo Grupo do EXTRA.SC no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/Hmfy73b8TDYCHlfbY3HLxj



Publicidade
Continue lendo


Em alta



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
To Top