Conecte-se conosco

EXTRA.SC

FAKE NEWS: Médico Cristiano Ferreira NÃO foi assassinado

Cotidiano
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Foto: João Duarte/EXTRA.SC

Cotidiano

FAKE NEWS: Médico Cristiano Ferreira NÃO foi assassinado

Profissional conversou com a equipe do EXTRA.SC, por telefone.

Publicidade


O médico cardiologista Cristiano Ferreira NÃO foi assassinado neste domingo (25), contrariando informações que começaram a circular em grupos de WhatsApp. Após a divulgação do boato, o profissional conversou com a reportagem do EXTRA.SC, por telefone.

Cristiano estava a caminho de Itajaí, onde dirige o Hospital Marieta Konder Bornhausen. Disse que se assustou com o número de ligações e mensagens que começou a receber, e que iria providenciar uma publicação nas redes sociais para tranquilizar seus familiares, clientes e amigos.

Do outro lado, o deputado estadual Volnei Weber (MDB), que teve o filho envolvido nesta notícia falsa, divulgou uma nota reiterando que as acusações são inverídicas e caluniosas. “Minha assessoria jurídica já está em contato com os órgãos competentes para tomar as devidas providências e identificar a origem dessas inverdades”, garantiu.



Receba as notícias em primeira mão pelo Grupo do EXTRA.SC no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/Hmfy73b8TDYCHlfbY3HLxj



Publicidade
Continue lendo

Em alta


Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
To Top