Filtrar por cidade:
Conecte-se conosco

Brasil continua com o 2º maior juro real do mundo após BC manter Selic inalterada

Brasil

Brasil continua com o 2º maior juro real do mundo após BC manter Selic inalterada

Os juros reais do país ficaram agora em 6,79%. O líder é a Rússia, com taxa real de 8,91%.

Atualizado em 19/06/2024 19:11

O Brasil continua a ter o segundo maior juro real do mundo após o Comitê de Política Monetária (Copom) decidir manter a taxa básica de juros inalterada. O juro real é formado, entre outros pontos, pela taxa de juros nominal do país subtraída a inflação prevista para os próximos 12 meses.

O Banco Central do Brasil (BC) decidiu nesta quarta-feira (19) manter a Selic na faixa de 10,50% ao ano. Assim, segundo levantamento compilado pelo MoneYou, os juros reais do país ficaram agora em 6,79%. O líder é a Rússia, com taxa real de 8,91%.

Na última divulgação, em 8 de maio, o Brasil já ocupava a segunda colocação da lista. A combinação de inflação menor e cenário externo positivo ajudou no fechamento de uma taxa real de juros mais baixa, informou o MoneYou.

A Argentina continuou com o último lugar no ranking. Apesar de ter perdido para a Turquia o posto de maiores taxas nominais da lista (40% ao ano, frente aos 50% da Turquia), o país também enfrenta um quadro de inflação altíssima, o que acaba derrubando as taxas reais.

(Visited 19 times, 1 visits today)

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM

HASHTAGS

To Top
To Top