Conecte-se conosco

EXTRA.SC

PRIMEIRA MÃO – É dever do município fazer isso imediatamente

Blog do Alessandro Neves
aaaa
Fotos: Priscila Loch

Blog do Alessandro Neves

PRIMEIRA MÃO – É dever do município fazer isso imediatamente

Leia também: Ação Civil Pública, Polícia Penal, Pedro Camilo, imprensa, Caio Tokarski, Matheusinho, Rádio Tubá, Joares e outras notas.

Publicidade


Passada a tragédia, ficam as lições. Espero que o artigo aqui publicado na quinta-feira (5) comova nossas autoridades, que tão bem souberam vestir o colete laranja da Defesa Civil. Só não pode ficar restrito ao visual. Precisa ter efeito prático. E para isso, vão algumas OBRIGAÇÕES do município de imediato:

  • Subsidiar a conta de água das residências e empresas atingidas pelas cheias. Todos precisaram gastar muita água para limpar seus espaços;
  • Suspender a cobrança do próximo IPTU dos imóveis que ficaram alagados;
  • Suspender a cobrança da próxima taxa de alvará das empresas atingidas.

Como sei que o prefeito Joares Ponticelli (PP) é coerente e tem discernimento, certamente essas decisões já estavam tomadas antes desta publicação. De qualquer modo, vale a lembrança.

 

Ação Civil Pública

Moradores dos bairros Dehon e Humaitá, enquanto ainda contabilizam prejuízos e limpam suas residências, já iniciaram uma movimentação para entrar com uma Ação Civil Pública contra o município, pelos danos agravados por causa da bomba que não funcionou.

Em breve o grupo irá criar uma rede no WhatsApp, para juntar aqueles que se sentiram lesados pelo poder público e têm interesse em se juntar à ação.

 

Polícia Penal

Caso a interpretação não tenha sido a adequada, vai o pedido de desculpas aos policias penais que se sentiram incomodados com o artigo da última semana. Muitos arriscaram suas próprias vidas para salvar as dos detentos.

A responsabilidade pelo risco que vocês e os presos tiveram e pela fuga dos 13 (ou 12? Ou dois?) é de gestão. Governador, Secretário de Administração Penal e diretor do presídio. Demoraram para tomar a decisão e, quando o fizeram, não tinham equipamentos e pessoal para executá-la em segurança. Precisam responder por isso.

 

A democracia do tapa

O episódio envolvendo o presidente da Câmara de Capivari de Baixo, Pedro Camilo (PP), e a obra de abertura da vala às margens da BR-101 é lamentável, pra não dizer vergonhoso.

A situação fica ainda mais constrangedora com a nota oficial da Casa legislativa, que simplesmente fingiu que um vídeo com a cena não existe. Negaram a agressão. As imagens são montagens?

 

Imprensa

Quero destacar o trabalho da imprensa tubaronense que, assim como em outras tragédias naturais, não mediu esforços para bem informar a população.

Tirando um ou outro que promoveu sensacionalismo, e o desencontro de informações oficiais, os profissionais conseguiram deixar a população ciente, consciente e, na medida do possível, em tranquilidade.

 

Curtas

 E vale o destaque para a equipe de jornalismo do EXTRA.SC que, por três dias, fez plantão intermitente para levar as informações aos leitores: Priscila Loch, Fhillype Costa e Gabriel Silveira. Obrigado!…

… não por menos, o alcance de nossas publicações foram impressionantes. Mais de 100 mil impressões entre segunda-feira (2) e sexta (6), no portal, Youtube e Instagram.

 Parabéns também ao amigo Matheusinho Ximbica, que não mediu esforços para ajudar quem estava perdendo o carro, seus pertences e ficando ilhado. Exemplo que arrasta.

A enxuta equipe de Comunicação da Prefeitura de Tubarão também se desdobrou para tentar suprir a demanda de informações. Merecem reconhecimento.

Sobre as minhas críticas pela dificuldade da atual gestão municipal em se comunicar, um assessor de uma cidade vizinha deixou claro: “Aqui, tentamos desde o primeiro minuto abrir as portas para a imprensa”. Tem que gostar pra fazer.

 Rádio Tubá comemorou 75 anos no ar neste domingo (8). A data foi celebrada em uma Missa de Ação de Graças na Catedral.

Prefeito Joares não tem um ano tranquilo em seu governo. É vendaval, coronavírus, crise econômica, Dr. Cristiano, enchente…

 Durante um dos últimos encontros do Grupo de Ações Coordenadas de Tubarão, um dos secretários municipais caiu no “gemidão do WhatsApp”. Prestar atenção na reunião não interessava.

 

Pra acabar

A coluna termina com um ensinamento dado por dona Hilda (1946-2021), mãe do vice-prefeito Caio Tokarski (UB), e publicada por ele em suas redes sociais: “quem corre por gosto não pode reclamar do cansaço”. Perfeita para alguns discursos da última semana:



Receba as notícias em primeira mão pelo Grupo do EXTRA.SC no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/Hmfy73b8TDYCHlfbY3HLxj



Publicidade
Continue lendo


Jornalista e apresentador. Começou na comunicação aos 9 anos. Trabalhou nas rádios Tabajara AM, Santa Catarina AM, Comunitária FM, Tropical FM e Top FM; na Unisul TV; nos jornais De Bairro e Extra Santa Catarina; e na assessoria do apresentador Gugu Liberato e do jornalista Flávio Ricco. Atualmente, dirige a Abra Play e é editor do EXTRA.SC.

Registro profissional: JP 5360/SC



Publicidade

Blogs e colunas


Publicidade
Publicidade
Publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top