Conecte-se conosco

EXTRA.SC

PRIMEIRA MÃO – Não adianta decreto, se não há fiscalização

Blog do Alessandro Neves
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Blog do Alessandro Neves

PRIMEIRA MÃO – Não adianta decreto, se não há fiscalização

Leia também: Ritinha, primeiro escalão, Kurisquinho, Piocco, Fabiano do Sertão, “Tuburão”, Pepê, IPTU, semáforo e outras notas curtas.

Publicidade




Um restaurante tubaronense recebeu um grupo de fiéis, incluindo pastores, após um culto dominical. Agruparam-se em duas mesas, uma com 12 pessoas – quatro crianças, e outra com seis pessoas.

O decreto municipal, válido há algum tempo, proíbe mais de quatro pessoas e uma criança em uma mesma mesa. Duas ligações foram feitas para denunciar o fato. Em uma hora, não houve fiscalização.

Eu pergunto: de que adianta um decreto restritivo, se os empresários não cumprem e as autoridades não fiscalizam?

 

Ô, Rita!

A ida de Jairo Cascaes (PSD) para a Gestão tem uma “culpada”: Ritinha Enfemeira (PSD). A suplente de vereadora, agora empossada, ficou inquieta após o anúncio da recondução de Daisson Trevisol à presidência da Fundação de Saúde. Foram inúmeras as ligações e visitas aos gabinetes e às casas de Joares e Caio, até que uma solução fosse encontrada.

Como Nilton de Campos foi eleito presidente da Câmara, e Jean Abreu preferiu ficar no legislativo, sobrou para Jairo a missão de abrir uma vaga para a correligionária. Em 2022, com a ida de Nilton para a Secretaria de Urbanismo, Jairo poderá voltar ao legislativo mantendo a cadeira da vereadora.

 

Primeiro escalão

Além de Jairo, Maurício e Daisson, já foram publicadas as nomeações de Tarcísio Hemkemeier para a gerência Financeira, Rafael Bianchini para a secretaria da Fazenda e Marivaldo Bittencourt Pires Júnior para a Procuradoria.

Também já cumprem expediente Guilherme Daufenback de Maria, secretário de Infraestrutura e Giovani de Souza Bernardo, secretário de Desenvolvimento Econômico.

 

Kurisquinho e Piocco

Outro problema que surgiu no “quebra-cabeça” do executivo envolve os suplentes Julio Kurisquinho (Progressistas) e Júnior Piocco (Republicanos). Ambos queriam a Fundação do Meio-Ambiente.

A vaga ficará para Kurisquinho, ex-vereador pelo partido do prefeito Ponticelli.

 

Fabiano

A recriação da secretaria de Agricultura, levantada pelo jornalista Arilton Barreiros em sua coluna, poderia abrir uma terceira cadeira para suplentes na Câmara.

O vereador Fabiano do Sertão (PSL) não esconde de ninguém o desejo de dirigir a pasta. Se isso acontecer, deixa o caminho livre para Erivelton Filetti, primeiro suplente da sigla, com 709 votos.

 

Com que roupa?

Ainda falando em Fabiano, e ele não deve ser culpado em momento algum por isso, o novo legislador foi à missa de Ação de Graças, no dia 1º, vestindo gola polo. Na Catedral, uma boa alma avisou que para a posse, precisaria trajar terno e gravata.

Fabiano teve que ir em casa vestir a roupa adequada e a sessão atrasou cerca de 20 minutos. Faltou comunicação da organização do evento que, como boa prática, deveria avisar aos participantes qual a vestimenta correta para a ocasião.

 

Tuburão

Imagem que circula na internet mostra uma placa de trânsito com uma curiosa grafia.

Informação preliminar é de que o erro foi cometido pela CCR, concessionária da BR-101. A conferir.

Foto: Reprodução

 

Pepê Collaço

Superintendente da AGR, coordenador do Progressistas na Amurel durante as Eleições 2020 e pré-candidato a deputado estadual, Pepê Collaço (Progressistas) reuniu os prefeitos e vice eleitos dias antes da posse de 1º de janeiro.

Na última semana, o ex-vereador retribuiu o encontro, visitando os já empossados de Garopaba, Gravatal, Grão-Pará, Pedras Grandes, Içara, Morro da Fumaça, Imbituba e Imaruí. Pepê também se reuniu com o secretário de Educação de Criciúma, Miri, ligado ao mesmo projeto político.

 

IPTU

Diferentemente de outras cidades, que começam a cobrança do IPTU em fevereiro, Orleans só cobra a primeira parcela do imposto em maio. À vista, com 30% de desconto. Quem não consegue pagar nessa data, tem outras duas opções: junho (com 20% de desconto) ou parcelado em seis vezes.

Começo do ano o cidadão comum tem várias despesas extras, como sobras do Natal e Réveillon, férias, matrículas e material escolar. Custa aos municípios dar um pouco de tranquilidade em mais esse oneroso tributo?

 

“Semáforo inteligente”

Foto enviada à coluna por leitor, tirada nesta segunda-feira (11), alerta: faz muito frio em Oficinas!

Só lá. Em todos os outros bairros de Tubarão, o calor é de rachar.

Foto: leitor do EXTRA.SC

 

Curtas

• Prefeituras com estruturas bem mais enxutas emitem boletins sobre a pandemia do novo coronavírus aos finais de semana e feriados. Tubarão não.

• Não precisa ser nenhum especialista para concluir que os casos de COVID-19 vão aumentar em 15 dias, após o atual afrouxamento nas medidas protetivas…

• … não é o ideal ficarmos “folgados” na fase laranja, para depois voltar ao vermelho. Deveríamos segurar as pontas, para conseguir evoluir para a fase amarela.

• Vereadores de Tubarão deverão se reunir pela primeira vez após a posse na próxima segunda-feira (18), em uma sessão extraordinária a ser convocada pelo executivo…

• … em pauta, “pra variar”, projetos em regime de urgência.

• Chama a atenção o discurso de ódio dos jornalistas Ruy Castro e Ricardo Noblat, incitando o suicídio do presidente dos Estados Unidos

• … é óbvio que o governo de Donald Trump é contraditório e criticado pela maioria, em todo o mundo. Mas desejar a morte de alguém foge do aceitável…

• … não por nada, mas experimente você, leitor, escrever algo do tipo contra o ex-presidente Lula.

• Vereadores Eraldo Pereira (Cidadania) e Felippe Tessmann (PSC) irão dividir o mesmo gabinete na apertada Câmara de Tubarão

• … tudo normal se não fosse por um fato: um é de situação e o outro, oposição ao governo.

• A Radiologia Cabral, do amigo Rodrigo, inaugurou nesta segunda-feira (11) seu novo espaço. Maior, está localizada agora na Marcolino Martins Cabral, ao lado do Posto Premiere.


Publicidade
Continue lendo


Jornalista e apresentador. Começou na comunicação aos 9 anos. Trabalhou nas rádios Tabajara AM, Santa Catarina AM, Comunitária FM, Tropical FM e Top FM; na Unisul TV; nos jornais De Bairro e Extra Santa Catarina; e na assessoria do apresentador Gugu Liberato e do jornalista Flávio Ricco. Atualmente, dirige a Abra Play e é editor do EXTRA.SC.

Registro profissional: JP 5360/SC



Publicidade

Blogs e colunas


Publicidade
Publicidade
Publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top