Filtrar por cidade:
Conecte-se conosco

Servidores de prefeitura da região são afastados por suspeita de fraude em contratos

Segurança

Servidores de prefeitura da região são afastados por suspeita de fraude em contratos

Segundo a polícia, empresas contratadas estavam com o sistema de aferição de horas trabalhadas fraudado, de forma a marcar horas a mais do que as efetivamente trabalhadas.

Foto: Polícia Civil

Na manhã desta quinta-feira (23), a Polícia Civil, com o apoio da Polícia Científica, deflagrou operação policial visando combater uma organização criminosa que fraudava a execução de serviços com a prefeitura de Imbituba de maquinários – trator, pá niveladora, caminhões caçamba e outros. Ao todo, foram cumpridos 32 mandados de busca e apreensão e dez servidores públicos foram afastados de suas funções.

No primeiro semestre do ano de 2023, a Polícia Civil de Imbituba recebeu diversas denúncias anônimas indicando que as empresas contratadas por meio de uma licitação estavam com o sistema de aferição de horas trabalhadas (horímetro) fraudado, de forma a marcar horas a mais do que as efetivamente trabalhadas, gerando prejuízo à administração pública municipal.

Ao final do certame, oito empresas foram vencedoras, com a destinação total de 25 equipamentos para prestação de serviços à prefeitura de Imbituba, um investimento de mais de R$ 10 milhões

Em junho, foi deflagrada a primeira fase da Operação Ourímetro e 15 máquinas que prestavam serviços à prefeitura de Imbituba foram periciadas. Onze delas apresentaram adulteração no horímetro.

As planilhas de horas que a Polícia Civil teve acesso indicaram que as máquinas trabalhavam todos os dias praticamente com hora cheia, não respeitando dias chuvosos, feriados, ou pausas no trabalho.

Segundo a polícia, alguns funcionários públicos tinham conhecimento e permitiam a engrenagem criminosa em prejuízo da administração pública municipal, cujo montante ainda está em apuração.

(Visited 915 times, 1 visits today)

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA TAMBÉM

HASHTAGS

To Top
To Top